© 2015 por Vida Pratica.  

Ki Teitzei: Como Merecer Uma Vida Longa?

 

"A Torá nos diz que devemos honrar os nossos pais. Por quê? 

 

Bem, se tivessemos que especular, a resposta mais óbvia é que nossos pais nos deram o maior dom de todos: a própria vida. Quando nós os honramos, estamos a fazer o mínimo que podemos por aqueles que nos deram a vida. 

 

Eu acho que essa é a interpretação convencional (mais simples) desta mitzvah.

 

Mas por que é que devemos honrar os nossos pais e por que nossos dias sao ‘aumentados na terra’  se assim o fizermos? 

 

Pessoalmente, eu percebi uma nova relevancia na razão pela qual devemos honrar nossos pais, algo que, pelo menos para mim, faz com que a mitzvá  “salte” para uma perspectiva totalmente nova, e quero compartilhar isso com você. 

 

A uma primeira impressao, a parashah dessa semana parece ter muito pouco a ver com o tema de honrar os pais. 

 

Por isso, te convido a esquecer tudo o que eu lhe disse sobre honrar seus pais, e concentrar-se agora apenas no Parasha desta semana. Em seguida, vamos voltar para o tema de ‘honrar os pais’ e examinar o que a parashah Ki Teitzei e a mitzvah de honrar os pais tem em comum.

 

A Parasha contém a famosa mitzvá de“Shiluach Ha'kan” = enviar a mãe pássaro (para longe). 

 

 

A Torah nos ensina que se você encontrar um ninho com filhotes ou ovos, e na parte superior do ninho você percebe que existe uma mãe pássaro que está de cócoras sobre os seus filhos, a mitzvá é: "Shalei'ach teshalach et ha'mei" = 'envie a mãe pássaro para longe' - "V'et ha'banim tikach lach" = 'e em seguida, você pode tomar os filhotes ou os ovos para si'.

 

Qual é exatamente a razão desta mitzvá? Ela parece ter algum tipo de mensagem ética - que é, de fato, a forma como quase todos os comentadores  a interpretam, mas qual é exatamente essa mensagem etica?

 

Houveram muitas discussoes entre os principais comentadores medievais sobre qual seria a mensagem etica da mitzvah da 'mae-passaro', mas basicamente, as teorias dividem-se em dois principais grupos:

 

a) Rambam = Maimônides

 

b) Ramban = Nachmanides

 

Ambos defendem duas abordagens diferentes. 

 

O Rambam (Maimônides), argumenta que a idéia básica aqui é que a pior coisa que você poderia fazer para qualquer pai ou mãe é obrigá-los a testemunhar a morte de seu filho. 

 

O Rambam diz que o sentimento de perda não é algo exclusivo de seres humanos, mas que tal sentimento eh valido para animais tambem, e, assim sendo, a mitzvá de “Shiluach Ha'kan = enviando a mãe pássaro para longe”, foi feita para não impor esse tipo de sofrimento (crueldade) mesmo a um simples pássaro.
 
A Torá nos permite retirar os ovos ou filhotes, mas nos proibe de forçar a mãe passaro a assistir, impotente, a morte de suas crias. Portanto, espante a mae passaro para longe, em seguida, você pode tomar os filhotes/ovos.

 

O Ramban (Nachmanides) ve esta questao de uma maneira diferente:

 

Nachmanides argumenta que há algo nesta mitzvah que diz respeito a  extinção das espécies. 

 

Em outras palavras, enquanto que a Torá dá a seres humanos o direito de consumir produtos de origem animal e o direito de consumir os proprios animais, todos nós entendemos que há uma diferença enorme entre matar uma vaca para alimentar-se e matar toda as vacas do mundo, eliminando a espécie. 

 

Há algo eticamente repugnante, Nachmanides argumenta, sobre a extinção de especies. 

 

Assim sendo, mesmo que você não extinguisse realmente uma especie ao  matar mãe e filho juntos, ententa que ao fazer isso voce estaria matando duas gerações de uma só vez.

 

Para Nachmanides, tal coisa seria um consumo excessivo de uma espécie e ninguem eh autorizado a fazer isso. Portanto, se você está retirando os ovos ou filhotes, você deve salvar a mãe pássaro e envia-la para longe... deixe que ela viva. Essa eh a interpretacao do Ramban.

 

Mas o que eu gostaria de fazer agora é explorar o texto real da mitzvá (como estah escrito em Hebraico), porque eu acho que se o fizermos, se prestarmos atenção nas palavras com muito cuidado, vamos perceber ha uma outra camada de sentido aqui.

 

Entenderemos melhor a lógica por detrás desta mitzvá, indo  além do que Maimônides e Nachmanides nos ensinou.

 

Em primeiro lugar, porque é que esta mitzvá se refere a aves? Há alguma razão para isso? Em outras palavras, se  é apenas uma questão como o Rambam diz: não infligir aos pais a crueldade de assistir a morte de seus filhos, a mitzvah seria válida para todas as espécies e qualquer animal poderia ser citado em vez do passaro. 

Se o problema eh a extinção de espécies, como o Ramban diz, por que razão especificamente a frase se refere a aves? 

 

Há um pedaço desse texto que me parece problemático… 

 

Estah escrito em Devarim (Deuteronomio) 22:6: “Ki yikareh kan tzipor lefanecha” = “se você encontrar este ninho e se você encontrar, em uma árvore ou se encontrar ele no chão e há os filhotes e há os ovos lá dentro, e a mãe está de cócoras sobre esses filhotes ou sobre os ovos…" “Loh tikach eim ha'al ha'banim = ‘não tomaras a mãe estando com seus filhos’ (NOTA DA ESTHER: tinha traduzido essa frase do Hebraico, mas ficou um pouco estranho, entao mudei pra uma traducao que condiz mais com a gramatica portuguesa: a da Biblia Hebraica da Ed. Sefer) 

 

O que é que você quer dizer, ‘não tomar a mãe estando com seus filhos?’ Por que a ênfase sobre a mãe?

 

A resposta desta questao está em olhar para a recompensa vista no verso seguinte: o texto nos diz que se enviarmos a mãe pássaro para longe, teremos uma  recompensa de VIDA LONGA. E só existe um outro mandamento positivo em toda a Torá que promete uma  recompensa de vida longa: a mitzvá de Kibud Av v'Mei - honrar a sua mãe e o seu pai! 

 

Tal mitzva também vem com uma promessa de vida longa: 

“Kabed et avicha v'et imecha lema'ya'arichun yamecha” = ‘honra a teu pai e a mãe, para que se prolonguem os seus dias’ 

 

 

 

Qual é o denominador comum entre as duas mitzvot, a de enviar para longe a mae passaro e honrar pai e mae? Por que a Torá parece estar ligando estas duas Mitzvot?

 

 

 

 

O denominador comum entre os dois versos parece ser a HONRA DA MATERNIDADE (jah que a figura materna eh a unico ponto discutido em ambas as mitzvot).

 

Deixe-me fazer uma pergunta: eh facil capturar um animal adulto? 

 

E se eu lhe pedisse para parar de ver esse vídeo agora (ler esta traducao, na verdade rsrs), ir para fora de sua casa e tomar alguns minutos para capturar um pássaro adulto? Quanto tempo levaria?

 

Basta ir lá fora, há uma abundância de árvores, provavelmente um grande número de espécies de aves, você pode ouvi-los cantando em todo o lugar, basta ir lah fora, levantar as mãos e apanhar alguns pássaros. Agora voce entendeu o obvio = Não é fácil capturar uma mãe pássaro. Esse é o ponto que a Torá toca ao conectar as duas mitzvot.


Se voce caminhar na rua onde mora e ver um ninho com uma mãe passaro pairando sobre os seus filhos, esta serah a única chance que você terah de capturar uma mãe pássaro com as proprias mãos. Você sabe por quê?

 

Porque a mãe pássaro vai fazer de tudo para proteger seus filhotes. Ela vai sacrificar-se em caso de necessidade, ela serah capaz de fazer um ato desesperado, um esforço sem limites para defender seus filhotes. E ao defende-los, ela irá bater suas asas e pairar sobre o ninho.

 

 

 

Portanto, você pode ateh pensar que ao ver a mae passado pairando sobre o ninho defendendo seus filhotes/ovos, voce poderia levar não apenas os ovos, mas leva-la também, certo? Não faca isso! 

 

“Loh tikach eim ha'al ha'banim” = não cause sofrimento a mãe quando ela paira sobre os filhotes, mas afaste-a, e em seguida, retire os ovos. Por quê? Porque tal crueldade é entendida como uma profanação da MATERNIDADE.

 

Vamos analisar a situação: há um ninho de pássaros, ovos, filhotes, e existe uma mãe pássaro. 

 

Você tem direito a ingerir os ovos, jah que Deus deu aos humanos a possibilidade de consumir produtos de origem animal, e até os animais em si. 

 

Mas no tocante a mãe passaro, qual é a única razão que nos possibilitaria captura-la? Soh seria possivel captura-la quando ela tenta proteger seus filhos, por isso ela não vai voar para longe. Ao capturar uma mae passaro que paira sobre o ninho, você está usando o próprio instinto materno da mae passaro CONTRA ela mesma

 

É como se existisse uma armadilha e a isca seria nada mais, nada menos do que o próprio instinto materno. Você está usando o instinto materno dela, contra ela.

 

Isso é uma profanação da maternidade. 

 

Deixe a mãe pássaro livre, você não têm o direito de pega-la.
 
Eu acho que aqui é onde obtemos uma visão incrível sobre o significado mais profundo de honrar a sua mãe. Porque o que é exatamente neste ponto que podemos comparar a sua propria mae a mae passaro.

 

Uma mãe fará de tudo para proteger os seus filhos, vindo até a sacrificar-se para salva-los. Por isso nao podemos usar seu próprio instinto (materno) contra ela. 

 

 

 

 

 

 

Por isso tal valor moral é válido não somente para a mãe pássaro, mas para a SUA mãe tambem. 

 

A sua mãe vai fazer de tudo por você. Sim, ela tem expectativas, ela tem esperanças quanto ao seu futuro, mas se no final do dia, você não atingir as expectativas dela e mesmo se você ignorar suas esperanças, ela ainda vai te amar porque você é seu filho. Não profane seu amor para tirar proveito dela. 

 

O amor dos pais destina-se a ajudar o filho a crescer, entao voce nao deve usar tal amor (no caso da parasha, o instinto materno) e usá-lo como uma armadilha contra eles.

 

Honra os teus pais.

 

E se você fizer isso, e se você enviar a mãe pássaro para longe (simbolicamente, seria como proteger a sua propria mae), você estarah protegendo a fonte da vida (maternidade), e assim sendo, ao proteger a fonte da vida, a sua própria vida será abencoada. 

 

 

Gut Shabbes."


"Hey, aqui é o Rabino Fohrman mais uma vez, obrigado por assistir a este vídeo. Se você tiver comentários, reflexões, perguntas ou observações, eu gostaria de ouvir sobre eles.”

 

 

Se alguem quiser contactar o Rabino Fohrman, eh soh entrar no site do Aleph Beta ;)

 

----- texto traduzido com autorizacao da equipe Aleph Beta -----

 

 

 

 

 
 

 

Please reload

Posts Destacados

O Que é um Rabino? O Que é Semicha?

October 21, 2018

1/10
Please reload

Procure por Tags