© 2015 por Vida Pratica.  

Quem Compoe o Vaad de SP?

Quem compoe o Vaad de SP? Vamos descobrir.

 

DEIXO CLARO que minha intencao nao eh vilanizar ninguem, soh quero agir com a transparencia que todos merecem. Eh muito dificil agir as escuras (sem saber com quem estamos dialogando) pq nao sabemos fazer as perguntas certas... e qdo recebemos uma resposta, nao conseguimos entende-la completamente.

 

Agora que haverah transparencia, seremos capazes de dialogar. 

 

Politica, politica, politica. 

 

Apos ler o post, vcs verao que serah preciso muito mais do que apoio do President Rivlin p/ agitar as aguas no Brasil... a causa anussita brasileira precisa de apoio politico/financeiro forte e de alguma maneira tentar dialogar com o Grao Rabino Sef. de Israel... acho que soh a opiniao dele conta aqui. 

 

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- 

 

Irmaos e R. JACOB E HENRIQUE BEGUN ( Lubavitch )

"Naturais de Porto Alegre, os irmãos Jacob e Henrique Begun tiveram uma formação essencialmente ortodoxa, permanecendo na Yeshivá Lubavitch em Nova York por 11 anos.

 

Ao término dos estudos, se formaram rabinos e voltaram ao Brasil – a pedido do Rebe de Lubavitch para Shelichut - onde, em 10 de Fevereiro de 1960, em S. Paulo, no Bom Retiro, fundaram o Mossad Oholei Yossef Yitschak - Instituto de Ensino Lubavitch.

1970 
Por sugestão e visão empresarial de Bernardo Goldfarb z”l, foi criada a escola Tiferet em Higienópolis sob a direção do Rabino Jacob Begun, ficando a Escola Lubavitch daquele ano até hoje, sob a direção do Rabino Henrique Begun."

 

Todas as escolas possuem um desenvolvimento incrivel e bem rapido. Ha muito mais sobre eles na net, mas p/ propositos do topico, soh essa informacao eh necessaria.

Fonte: http://www.lubavitchgani.org.br/Templates/Hebrewschool/article_cdo/aid/1858475/jewish/Histrico-e-ex-alunos.htm

 

 

 

R. ELIAHU BARUCH VALT  (Sinagoga Abyr Yaakov - no passado nao conhecia a historia anussita... )
"No ano de 1978, o Rabino Eliahu B. Valt foi convidado a assumir a liderança espiritual da Sinagoga  (Abyr Yaakov) e da Comunidade." 
Fonte: http://www.iavne.com.br/pagina/sinagoga-abir-yaacov.html

 

R. Valt declarou publicamente que nao conhecia a historia anussita brasileira qdo visitou o RN. Se de lah pra cah ele estudou para finalmente conhecer nossa historia, eh um misterio.  

 

Confira a materia completa aqui: http://www.coisasjudaicas.com/2006/09/marranos.html

 

Melhores trechos da materia explicando o que aconteceu exatamente:
"Barosh (um membro da comunidade anussita do RN) lembra com tristeza que, há mais ou menos quatro anos, ao tomar conhecimento de sua existência, a Confederação Israelita do Brasil (Conib) enviou o Rabino ortodoxo Eliahu Valt para conhecer os "novos judeus de Natal". "Naquela época", ele relata, "fazia parte do nosso grupo Willy Daubi, judeu ashkenazi que hoje mora em Recife. Além de não nos considerar judeus. Eliahu Valt foi aconselhar Daubi a não conviver conosco, mas ele não lhe deu ouvidos". "Por outro lado", acrescenta Barosh com orgulho, "temos no Rabino Henry Sobel (da Congregação Israelita Paulista, conservador) um grande amigo. 

Apesar de nunca ter vindo a Natal, Sobel nos assessora no que pode. seja mandando matzot  e vinho na época de Pessach (a Páscoa judaica), seja enviando material de ensino religioso." Eliahu Valt se sentiu no direito de divulgar uma resposta sobre as declarações de Barosh."


Melhores momentos da declaracao do R. Valt: 
"Segundo Valt, "na realidade fui ao Rio Grande do Norte em 1982, a pedido da Agência Judaica, que recebera diversos pedidos de imigração para Israel. Entrevistamos cerca de 15 pessoas, uma das quais se disse judia "por gostar de Golda Meir". "Fizemos apenas um relatório e não uma pesquisa a respeito da história dos marranos

Com base no que vimos, não havia nenhum elemento real para que as pessoas entrevistadas fossem consideradas judias". "Agora, não conheço a história dos marranos, e se eles de fato têm uma origem judaica, não o comprovaram naquele momento" disse Valt."

 

Fim da declaracao.

 

AGORA EU PERGUNTO: Nao eh dever de rabinos EDUCAR pessoas que se encontram ignorantes?  

 

Se na epoca um rabino confessou que nao conhece a historia dos marranos, quem diria um ‘am haaretz’ marrano, uma pessoa simples da mesma epoca? Se hoje em 2016 a falta de informacao eh gritante, imagina ha 30 anos atras????????????? O rabino devia ter se informado e ter feito sua OBRIGACAO: EDUCAR AS PESSOAS QUE SE ENCONTRAVAM IGNORANTES e nao concordar em ir a uma viagem se ele nao sabia da historia das pessoas que encontraria.

 

No fim da entrevista ele diz que enviou matzot de caridade (eu me pergunto qual dos 8 niveis de tzedaka do Rambam essa doacao entraria…) nao seria mais facil e muito mais barato simplesmente organizar uma pequena palestra e ENSINAR o que seria necessario para que uma pessoa soubesse se eh ou nao descendente de judeus e depois da palestra, informa-los educadamente que naquele momento ninguem estava apto a cumprir as exigencias necessarias para fazer alyia? 

 

Na boa RN, nao sei como vcs operam hoje em dia, mas se ainda recebem matzot de SP... tvz seria melhor vcs aprenderem a fazer as suas proprias.

 

 

 

R. EFRAIM LANIADO (Sirio)

Efraim Laniano - Rabino da Sinagoga Beit Yaakov (sinagoga Siria construida pela familia Safra, que tambem eh Siria) - contratrado em 1974
Fonte: http://www.njerub.org/r-laniado.html

http://www.jewishpress.com/news/breaking-news/jordan-valley-town-gets-its-first-shul/2014/07/06/

http://www.vosizneias.com/38187/2009/09/11/sao-paulo-brazil-the-house-of-the-safra-brothers-an-inside-look/

Lideres da Beit Yaakov:  Rabbi Efraim Laniado e Rabbi David Weitman
http://www.torahindex.com/en/inst/institutionsDetail.aspx?index=2&instID=5123

 

 

 

R. MEIR AVRAHAM ILLIOVITS (Satmar?)

Rabino da Sinagoga Kehilat Hacharedim, nao sei se eh Satmar ou Ratzfert ou Sanz... de qqr maneira, grupos hassidicos nao possuem nenhuma ligacao com Bnei Anussim porque qdo aconteceu a expulsao de Judeus da Espanha e Portugal, nao existia Chassidismo. 

 

 

 

ISAAC DICHI (Sirio)

Rabino da Sinagoga Mekor Chaim (Siria). 

 

 

 

RABINO DAVID WEITMAN (Lubavitcher que trabalha na sinagoga Siria Beit Yaakov)

Eu conheco rabinos Lubavitchers que trabalham em sinagogas Ortodoxas Modernas... ateh ai tudo bem, jah que tanto Lubavitchers qto Ortodoxia Moderna eh ashkenazita... 

 

Mas agora... um rabino Lubavitcher trabalhando em uma sinagoga sefaradita... Siria? Nao sei da credibilidade do site abaixo , mas ele afirma que o R. Whitman eh o rabino chefe... de uma sinagoga... Siria. O Brasil nao para de me surpreender.

http://www.shiurim.com.br/rabinos.php

 

"A Congregação é dirigida pelos renomados Rabinos Isaac Shren, Efraim Laniado, David Weitman e Avraham Cohen, que fiscalizam e conduzem a parte de Kashrut do Livenn (http://www.livenn.com.br/?p=313)

 

 

 

 

R. ITZHAK D. HOROWITZ  (Nao consigo identificar se ele eh Satmar ou Sanz... mas de qqr maneira, joguem suas esperancas pela janela, anussim brazukas...)


 

 

 

M. Z. BE'ER D'RATZFERT (R. Meshulem Zisha Beer... o Ratzferter Rebbe (que eh ligado a dinastia Sanz) ?????

Um Rebbe... em SAO PAULO??????????????????????????????????? Eh possivel isso? Uau...eu jamais imaginaria que o Brasil tivesse um rebbe... impressionante. Eu fui confirmar no 'My Machberes' que eh a coluna hassidica do Jewish Press, e... a coluna diz que sim. Eh por isso que ninguem acredita nas minhas historias... um Rebbe no Brasil... em SP... em conjunto com Sirios e Lubavitchers e Satmars, todos unidos... uau. Uau. UAU. Eu contei pro meu marido pq os Goldbergers sao Satmars, e ele ficou "What? What? What????? Brazil? Rebbe? What?" (meu marido eh filho de um Goldberger que desistiu de ser Satmar... longa e triste historia relacionada ao Holocausto... mas o resto da familia continua ativa e operante no movimento... Satmar da parte do pai, Vizhnitz da parte da mae e o resultado foi: Ortodoxia Moderna... rsrsrsrs maridex mita)

 

De qualquer maneira, ai vai a materia p/ quem quiser confirmar: http://www.jewishpress.com/sections/community/my-machberes/my-machberes-26/2012/02/22/0/?print

 

3º paragrafo abaixo das fotos, direto do 'My Machberes': 

"The wedding was that of Chanania Yom Tov Lipa Meisels to the daughter of Rabbi Meshulem Zisha Beer, Ratzferter Rebbe in Brazil; son of Rabbi Yoel Beer, zt"l (192

3-1992), late Ratzferter Rebbe in Sao Paulo, Brazil. Thechassan is the son of Rabbi Chaim Zvi Meisels, Bnei Brak Satmar rosh yeshiva; son of Rabbi Dovid Dov Berish Meisels, Boro Park Satmar Rav and brother-in-law of the Satmar Rebbe. Rabbi Chaim Zvi is a son-in-law of Rabbi Yisroel Hager, son of the Bnei Brak Vishnitzer Rebbe. The Satmar Rebbe is a son-in-law of the Bnei Brak Vishnitzer Rebbe."

 

Dinastia Sanz/Ratzfert: https://en.wikipedia.org/wiki/Ropshitz_(Hasidic_dynasty)

 

NOTA: P/ quem tah meio perdido:  ha mais de 50 rebbes hoje em dia, e cada um lidera seu proprio grupo hassidico. Antes do Holocausto, havia mais de 100 grupos hassidicos. A maioria dos rebbes vivem atualmente em Israel ou EUA. Eh a primeira vez que ouco sobre um rebbe vivendo na America do Sul. Aqui em Montreal havia dois rebbes, o Jibo Rebbe que lidera uma sinagoga a meia hora (de carro) da minha casa e o Tosher Rebbe z"l. Alguns meses atras o Tosher Rebbe faleceu... a comunidade Tosher ainda nao decidiu quem serah seu novo rebbe.

 

 

 

 

(Bnei Anussim, vcs jah jogaram suas esperancas de negociar com o Vaad de SP pela janela, certo? Ok, entao vao lah fora, peguem-na e...joguem de novo soh p/ confirmar. Mas joguem bem longe. Bem longe mesmo. A perder de vista.)

 

 

 

 

GRAO RABINO SEFARADITA DE ISRAEL, R. YTZHAK YOSEF, MENCIONADO NA CARTA DIRIGIDA AO CASAL BENNUN

 

O Grao Rabino Sefaradita R. Ovadia Yossef z"l visitava o Brasil e ateh visitou uma sinagoga Chabad em SP... ha fotos na net.

 

R. Ovadia Yossef z"l era casado com uma judia Siria e foi considerado pelos Sirios o maior Talmudista de sua geracao.

 

Apos o falecimento do R. O. Yossef z"l, seu sexto filho, R. Ytzhak Yossef se tornou o novo Grao Rabino Sefaradita de Israel e continua seus lacos de amizade com a comunidade Siria paulistana e tbm com a Lubavitcher. 

 

 

 

 

Pq eu to mencionando isso?

O natural na imaginacao das  massas seria que o Grao Rabino ASHKENAZITA de Israel, R. David Lau visitasse sinagogas Chabad no Brasil e no mundo… pq sao Ashkenazitas e Ashkenazitas se entendem: mesma cultura,  mesma lingua (Yidish), mesma comida, parentes, historia etc… se eu visse uma foto do R. Lau dentro de um Beit Chabad, eu nao prestaria nem atencao. Agora ver uma foto de um rabino sefaradita... mais especificamente o Grao Rabino Sef. de Israel visitando uma sinagoga Lubavitcher mostra que a ligacao Siria-Chabad no Brasil eh muito mais forte do que todos poderiamos imaginar. 

 

E pq os graos rabinos sefaraditas israelenses precisam visitar a comunidade Siria brasileira? Se vc eh judeu, vc deve ter uma ideia... certo? Pois eh... yeshivas nao se constroem sozinhas.

 

 

 

 

E o que Chabad/Sirios/Ratzferter Rebbe e demais rabinos de SAO PAULO tem a ver com o casal Bennun ensinando descendenetes de anussim, de Brasilia, a servico da Shavei Israel?


Das duas, uma:

 

Opcao 1 – O Vaad de SP nao tah nem ai pra causa anussita. Simplesmente nao usam um minuto de seu tempo se preocupando com isso e nao dao a minima se haverah conversoes ou nao.

 

Afinal de contas, mesmo que a rabanut mandassem um beit din pro Brasil soh p/ converter quem estah pronto, tais guerim anussitas nao iriam rezar em sinagogas Ashkenazitas (Chabad e afins) e muito menos entrariam em sinagogas Sirias… os guerim  anussitas brasileiros formariam suas proprias sinagogas, contratariam seus proprios rabinos e voi-la. Os tres grupos (Ashkenazim, Sirios e Anussim) seguiriam suas vidas normalmente sem a necessidade de contactar uns aos outros

 

Sinagogas sefas e ashkenazim nao se comunicam... mantem cordial amizade, mas... se a liturgia, costumes, idioma, halachot e tudo o mais sao diferentes... nao dah p/ rezarem no mesmo local. Cada grupo precisa de uma sinagoga que supra suas proprias necessidades. Facil assim.

 

Resultado da opcao 1 = se essa opcao for a mais correta, entao a carta dirigida ao casal Bennun nao passa de uma acusacao feita por alguem que nao estah preocupado com o assunto de guerut ou causa anussim… mas tal acusacao foi feita por alguem que tem rixa pessoal com o casal Bennun de uma maneira PESSOAL. Nao dah pra imaginar o Sanz Rebbe interrompendo seus estudos p/ discutir sobre a causa anussim... sorry... simplesmente nao dah pra imaginar isso. O mesmo eh valido p/ os outros rabinos... 

 

Agora… pq o Vaad de SP ouviria uma acusacao vinda de um unico individuo que conhece a Sra. Bennun, jah que a carta eh dirigida ao CASAL e NAO ao RABINO Bennun? Por causa da "geografia judaica brasileira” que eh diferente da “geografia judaica mundial”.

 

 

 

O que eh a “geografia judaica”?
Eh a giria que usamos para mostrar que todos os judeus do mundo estao conectados uns aos outros. 


Vou dar um exemplo real: 

 

Eu nunca fiz parte da comunidade judaica brasileira, mas… pela “geografia judaica” eu to ligada a ela! Como?


1. eu frequentava uma sinagoga ortodoxa moderna


2. havia um senhor Lubavitch nesta sinagoga que tem um filho que mora em Minas Gerais (alguns Lubavitchers sao membros de sinagogas Ortodoxas Modernas porque nao ha sinagogas Lubavitchers no bairro)


3. ele me disse um dia “se um dia vc precisar ir a MG, te coloco em contato com minha familia que mora lah”

 

E eu… “Hmmm… well… ok.”

 

Entao eh isso. Se eu daqui de Montreal quiser enviar um livro para uma judia que mora na Inglaterra… eh soh perguntar o suficiente, que com certeza encontrarei alguem que conhece alguem que conhece alguem que pode entregar o livro pessoalmente a minha amiga.

 

Sempre alguem vai conhecer a pessoa que voce quer conhecer. Seja atraves de um tio, da empregada domestica, do dono da padaria ou da cozinheira da escola… nao ha tantos judeus no mundo, entao estamos todos conectados, de uma certa maneira.

 

Para judeus de nascimento, alem de poderem estabelecer os contatos de amizade que descrevi acima, eles sempre encontram “um parente distante”… eh incrivel… se nao conseguem descobrir que sao “parentes”, descobrirao que alguns de seus antepassados vieram da mesma cidade… enfim… a “geografia judaica” eh bem interessante.

 

Mas o descrito acima se refere a MUNDO... no Brasil a “jewish geography” eh mais intensa, pois em vez de todo mundo conhecer todo mundo, praticamente TODO MUNDO EH PARENTE PROXIMO DE TODO MUNDO ou AMIGO CHEGADO DE TODO MUNDO!!!! Eh incrivel…

 

Entao, pela logica da “geografia judaica brasileira”… nao eh exatamente que o Vaad de SP tem algo contra o trabalho do R. Bennun ou Shavei… mas pela logica, o individuo que conhece o CASAL BENNUN possui uma ligacao bem familiar com um ou mais rabinos do Vaad… ou eh parente de um rabino que nao eh do Vaad, mas que possui influencia sobre o Vaad…. se vc eh judeu, vc entendeu o lance da “geografia” e sabe que tenho razao.

 

Pq alguem teria uma rixa pessoal com o casal Bennun? Well... inseguranca? Sou mulher, entao de  inseguranca eu entendo bem. Vingancinha por inseguranca nao eh sentimento muito bem visto em homens, diga-se de passagem... mas p/ ter certeza do que falo, preciso pesquisar via Google a comunidade judaica de Brasilia :)

 

Dr. Google sabe de tudo :)

 

 

 

 

Opcao 2 – esquece tudo o que mencionei acima e pense que o Vaad de SP realmente se importa com a causa anussita e quer o casal Bennun fora do jogo porque… well… eh dificil imaginar uma razao valida. Ok, vamos tentar:

 

- medo de que uma maioria sefaradita se formasse no Brasil??? Nao faz sentido. Como disse, o Vaad de SP eh impenetravel e mesmo que fosse “acessivel”, os anussim brasileiros jamais interfeririam com a vida Ashkenazi ou Siria brasileira… eles formariam suas proprias sinagogas e a vida seguiria adiante…

 

- medo de que os anussitas brasileiros se convertessem em massa e fizessem alyiah em massa???? Tbm nao faz sentido… tipo assim… a vida em Israel nao eh facil, galera… eh verdade que muita gente faz alyiah, mas tbm eh verdade que MUITA GENTE VOLTA aos seus paises de origem. Das minhas 11 amigas que fizeram alyiah da epoca que me converti ateh agora, soh 2 estao em Israel ateh hoje… todas as outras voltaram p/ seus paises pq nao aguentavam as durezas da sociedade israelense… entao… “medo de que os brasileiros invadam Israel” eh mais infantil que medo de bicho-papao. Podem ateh ir, mas  acho que 90% voltaria… 

 

- medo de que… uau… minha imaginacao eh fertil, mas mesmo assim nao consigo imaginar nenhuma razao sensata que me provasse que o Vaad de SP teria interesse em barrar o trabalho do casal Bennun. Enfim… se alguem ai tiver alguma ideia, eh soh me escrever... aceito sugestoes.

 

 

 

Entao eh isso, galera. O Vaad eh impenetravel… tipo… que nem a nave mae do Imperio de Star Wars que alem de ser gigantesca, possui um escudo protetor invisivel. Soh que nao ha Luke Skywalker neste filme...

 

Conhecendo estes fatos, ACORDEM e parem de choramingar. 

 

Se querem estudar Judaismo, arregacem as mangas e vao a luta. 

 

Usem seu tempo online para contactar o Reconectar e Shavei Israel. Uns 1000 e-mails diarios p/ essas organizacoes chamaria a atencao p/ o Brasil. Na base do copy/paste eu consiguiria enviar uns 100 e-mails por minuto.

 

copy/paste copy/paste copy/paste copy/paste copy/paste copy/paste copy/paste copy/paste copy/paste copy/paste copy/paste copy/paste 

 

O Cid do Nao Salvo fez um jogador do Goianesia ganhar o Premio Puskas soh na base da votacao online… se vcs se dedicarem a “atazanar” as contas de e-mail do Reconectar e Shavei, quero ver se nao chamamos a atencao.

 

Nao sou mistica e nem chegada em misticismo, mas lembro de uma frase do Zohar: “duas gotas pra cima, uma gota pra baixo”.

 

Se vcs querem resultados, facam muito mais do que vcs podem.

 

Enviem DUAS gotas pra cima. E vcs receberao a resposta que serah UMA gota pra baixo.

 

Eh assim que avancamos na vida: fazer mais do que estamos acostumados.

 

 

Ok, no proximo episodio: 

A Historia da Comunidade Judaica de SP:  Sirios, Lubavitchers e… Egipcios. 

 

Acho que ai jah vai dar pra parar de falar desta carta, pq a situacao toda terah ficao transparente.

 

Qdo abri meu blog eu realmente pensei que soh escreveria sobre decoracao... moda... oy vey! huahauahuaua  Vivendo e aprendendo.

 

Eh assim fora do Brasil? Nao. Acho que comeco a entender pq temos mais senso de humor fora da terra brasilis...

 

Kol tuv e LUTEM POR SI MESMOS,

 

Esther

Please reload

Posts Destacados

O Que é um Rabino? O Que é Semicha?

October 21, 2018

1/10
Please reload

Procure por Tags