O Que Judeus Fazem no Natal?



Esqueca todo mimimi religioso: Na pratica, o que judeus fazem no Natal? 



NA DIÁSPORA

Na pratica o(a) judeu(ia) ortodoxo(a) nao faz nada especial no dia de Natal... de uma forma geral, ele(a) tirarah o dia livre para fazer qualquer coisa para passar o tempo.


No GERAL, durante o dia 24 de dezembro, ortodoxos(as) trabalham em seus empregos como qualquer pessoa. Apos o expediente, ele(a) vai pra casa, ai chegando lah, decide o que fazer: passa tempo com a familia, ou vai assistir algo no Netflix, ou vai ler, ou fazer palavras cruzadas, brincar com os filhos, ir a um restaurante casher, ou encomenda uma pizza... sei lah... qqr coisa que fazemos em um dia de semana comum. 


Ai quando chega o dia do feriado, 25 de Dezembro... cada um faz o que quer.


Meus planos para o dia de 25 de dezembro deste ano sao: finalmente fazer um upload em 2 pendrives de fotos que tirei de uma henna da filha de uma amiga meses atras... o que vai levar horas porque tenho que selecionar as melhores fotos, fazer almoco... e meu marido, obviamente, vai maratonar alguma serie no Netflix... e depois, sei lah... iremos ao cinema? Nem sei o que tah passando no momento... mas ir ao cinema soa uma boa ideia.


Outras opcoes para ortodoxos fazerem em dia de Natal são:


- voluntariar em algum hospital, instituição ou simplesmente ajudar o próximo de uma maneira privada, assim usando o tempo livre para algo construtivo


- algumas sinagogas que promovem kiruv (atividades para incentivar judeus nao religiosos a se aproximarem da vida judaica) fazem um jantar para os jovens, nos States o evento mais popular eh o "Matzo Ball", onde jovens SOLTEIROS(AS) se reunem em algum salao de festas para comer comidas judaicas, dancar a noite toda etc... eh melhor do que correr o risco de ve-los celebrando Natal e comendo comida treif (nao casher). Na verdade, muitos casamentos entre jovens judeus sao frutos dessas festas 'Matzo Ball', aqui um site que lida com o assunto: http://matzoball.org/  ------- se vc eh judeu ou judia, solteiro(a) e mora nos States, procure a MatzoBall Party mais perto de vc! Se vc se casar depois pq viu meu anuncio da festa aqui, me convide huahauahauaua


- ir trabalhar! Sim, devido ao grande numero de feriados judaicos, muitos judeus negociam com seus patroes trabalharem em dias de feriado nacional (Natal, Ano Novo, Pascoa etc), assim como fazer horas extras, negociar dias de ferias e ateh mesmo trabalhar aos domingos. Muitos judeus entao, pedem para trabalhar no dia 25 de Dezembro e SE o chefe concordar, jah garantem folga no primeiro dia de Pessach! Se dentro do mesmo acordo com o chefe que topou a ideia, ele for trabalhar no dia 1 de Janeiro, entao jah garantiu folga para os 2 primeiros dias de Pessach! Vale a pena tentar. 


Na America do Norte, restaurantes chineses recebem centenas de milhares de judeus (que NAO comem casher) na noite do dia 24 de dezembro, pelo simples fato que enquanto todos os outros comercios fecham para o feriado, chineses nao celebram Natal, e desta forma...ganham todos os clientes. Comida chinesa se tornou um tipo de "simbolo judaico" de Natal hahahahahaha a coisa vai a um ponto que sai em jornais, televisao... eh um fenomeno, praticamente um ritual. 


Digite nas imagens do Google 'jews christmas chinese food' e se divirta. Se vc fala yidish ou consegue ler legendas em ingles, esse video vai te dar uma ideia do que acontece: https://www.youtube.com/watch?v=iPSLWauwwZM


"A Associacao de Restaurantes Chineses dos Estados Unidos gostaria de extender seu agradecimento ao Povo Judeu. Nao entendemos completamente as suas tradicoes dieteticas... mas temos orgulho e gratidao que seu DEUS insista que voces comam nossa comida no Natal."

Judeus de grupos ortodoxos mais estritos que NAO possuem computadores, smartphone, televisao e nao vao ao cinema (haredim, alguns yeshivish e hassidim-haredim) tiram o dia off para ler ou cuidar de quaisquer afazeres do lar, ajudar filhos a fazer trabalho escolar, cozinhar, consertar algo etc... entre judeus ashkenazim, nao se estuda Torah durante o Natal. Eu nao sei exatamente se a mesma regra se aplica a sefaraditas e mizrahim. Talvez de umas decadas pra cah, devido ao contato entre ashkenazim e sefaraditas, sefas tbm nao estudem Torah devido a influencia ashkenazita... quem sabe? Pq Ashkenazitas nao estudam Torah na noite de do dia 24 e durante todo o dia 25 de Dezembro?


Embora atualmente o dia de Natal seja uma data pacifica, nao foi sempre assim.


Era comum em paises cristaos da Europa Oriental que o dia de Natal fosse usado para caçar judeus, invadir casas, estuprar mulheres e criancas, queima-los, tortura-los... enfim... pogrons eram comuns neste dia. Entao... devido ao trauma e clima de destruicao, judeus europeus se sentiam muito inquietos nesta epoca natalina e os traumas que sofreram marcaram a data como simbolo de tragedias e catastrofes. Um dos pogroms de Natal mais conhecidos na Europa eh que o que aconteceu em Warsaw em 1881.


No inicio dessa entrevista com Rebbetzin Tziporah Heller, ela conta que quando nao era religiosa (sim, ela eh baalat teshuva) ela brincou com uma das tias dizendo que estava interessada em tomar parte de algumas atividades natalinas... foi quando a tia lhe explicou dos ataques que eram causados contra a comunidade judaica europeia... e Rebbetzin Heller diz que esta foi a primeira vez que ela percebeu que a realidade que ela vivia era bem diferente da realidade de judeus que viviam na Europa (e Russia) decadas atras: https://www.youtube.com/watch?v=XYZn-l5Cfqg




E Em Israel?????

Com uma populacao estimada em 8.680.000 de habitantes, onde 6,484,000 (74.7%) sao Judeus e 1,808,000 (20.8%) sao Arabes; ha tambem uma minoria estimada entre 388,000 pessoas (4.5%) que nao sao judeus e nem muçulmanos, entre eles estao os Druzos, Bahais, Cristaos, entre outros.

Destes 388.000, 170.000 são cristãos com cidadania israelense.


Sendo assim, a gente NAO PERCEBE epoca natalina em Israel, o Natal NAO eh considerado um feriado nacional, e soh vemos decoracao de 25 de Dezembro se passarmos por coincidencia em frente a algum comercio que pertence a minoria crista ou dentro de shopping centers, jah que a economia israelense tambem tem que agradar aos turistas e deixa-los confortaveis e receptivos ao consumismo desta epoca.


No ano em que morei em Israel, eu simplesmente ESQUECI que era Natal... literalmente nao passou pela minha cabeca o simbolismo desta data porque nao ha nada nas ruas que me lembrasse. 


O feriado judaico de Dezembro eh CHANUKAH, entao em vez de termos a imagem de Papai Noel decorando embalagens de alimentos, como Coca Cola (entre outros), temos simbolos de Chanukah, como a chanukia (chamada por alguns de menorah), sufganiot, Magen Davi etc.


A jornada de trabalho em Israel no dia 25 de Dezembro eh a mesma de qualquer outro dia do ano.


Criancas israelenses judias nao se sentem tentadas ou atraidas pelas belas decoracoes e consumismo desenfreado, como vemos acontecer com muitas criancas judias da Diaspora. Mesmo vivendo em lares 100% ortodoxos, na Diaspora nossas criancas sao expostas ao clima de Natal level HARDCORE na America do Norte, devido a decoracoes magnificas, musicas em supermercados (e sao musicas muito legais, nada a ver com as sonolentas "Entao eh Natal" da Simone e "Feliz Natal" de Ivan Lins, nos States as musicas de Natal sao simplesmente magnificas, e MUITAS delas foram criadas por JUDEUS!!! hAHAHAH Veja a ironia...) e todos os comercios... as vezes temos megafones nos estacionamentos de alguns supermercados e simplesmente por dirigirmos proximos a estes, ouvimos cancoes de Natal. 


Em Israel isso nao acontece.


O DESCONHECIMENTO sobre o que vem a ser o Natal eh tao grande que em bairros religiosos, se colocarmos um boneco de Papai Noel, criancas pensarao que eh um RABINO de vermelho, devido a barba.


Se um home se vestir de Papai Noel em Israel e entrar em bairros religiosos, ninguem lhe darah atencao... pois israelenses NAO-ocidentais nao veem nada demais na imagem de um Papai Noel, assim como nos, ocidentais, nao vemos nada demais na imagem dos dragoes dancantes usados para comemorar o Ano Novo Chines.


Nao ha mimimi-religioso de Natal em Israel, simplesmente porque lah, o Natal nao existe e parte da populacao religiosa nao tem a minima ideia de seu significado. 


Pra vcs terem ideia do nivel de ignorancia sobre o Natal visto em judeus nascidos em Israel, mostro uma foto bem interessante de Purim 2017 em Meah Shearim. Sem saber o signficado da bela roupa vermelha, uma familia haredi simplesmente vestiu todos os  filhos de Papai Noel... 



Na Diaspora, devido ao nosso conhecimento do que eh o Natal e o que ele representa, tal cena eh inimaginavel!!! Mas em Israel, isso mostra o quanto o judeu israelense nao sabe, nao quer saber e estah pouco se lixando pra feriados nao-judaicos.




COSTUMES ENTRE ALGUMAS COMUNIDADES ORTODOXAS PARA NITTEL NACHT


Nittel Nacht eh "noite de Natal" em yidish, e mostra como vcs leram acima, algumas destas comunidades sofreram tantas perseguicoes nesta epoca do ano que culminavam no dia 25 de Dezembro, que desenvolveram costumes proprios para abominar a data.


Muitos destes costumes sao vistos na comunidade Lubavitch, jah que seus fundadores provem da Bielorussia, hoje dentro da Russia. Pogrons, perseguicoes e aprisinionamentos eram tidos como rotina para comunidades judaicas russas. Os traumas causados pela cristandade e comunismo a estes judes deixaram marcas profundas. 


Foi somente em 1930 que o entao lider do movimento Lubavitch, Rebbe Yosef Yitzhak Schneerson mudou a sede do movimento para a Polonia. Apos Segunda Guerra Mundia, a sede foi mudada para Nova York, Brooklyn. 


Entre alguns costumes de muitas comunidades ashkenazitas ortodoxas, principalmente Chabad quanto ao dia 25 de Dezembro, estao:


- nao aprender Torah, seja por leitura do Chumash ou de comentarios


- nao aprender chassidut


- pode-se ler historias de tzadikkin e aprender mishnayot


- jogar xadrez (isso foi um dos Rebbes que aconselhou seus hassidim...) a fim de afiar a mente...


Em resumo eh isso ai.


Hoje pela manha recebi uma mensagem de uma amiga que escorregou no gelo ao ir no supermercado na sexta-feira passada e quebrou o peh e uma das pernas em 4 locais diferentes... ai.... ela passou por cirurgia, estah bem, mas com muita dor... nao poderah se levantar por um bom tempo... entao amanha, 25 de Dezembro, qdo ela receberah alta do hospital, jah tenho mais uma missao para passar o dia: cozinhar e levar a sua residencia uma bela refeicao para ela e familia. 



Kol tuv,



Esther 

Posts Destacados
Procure por Tags

© 2015 por Vida Pratica.