O Bar Mitzva do Jovem Huck

22.05.2018

 

Muita bobagem tem sido dita sobre o bar mitzvah do filho de Luciano Huck e Angélica.

Pesquisem antes de falar, para não passarem vergonha... não há hipocrisia e nem "compra" de privilégios. Pesquisem, galera... estudem...

Vamos a explicação:

1. O movimento Reformista oficialmente considera judeus os filhos de pai judeu e mãe não judia, contanto que a criança receba educação judaica. Embora boa parte dos membros do movimento Reformista no Brasil sejam pessoas muito tradicionais, saibam que as regras oficiais deste movimento vem dos EUA. Sendo assim...para a reforma, filhos do Huck são judeus. E por isso nenhum rabino ortodoxo se pronunciou ou se pronunciara a respeito, simplesmente porque não há o que se discutir. É a regra deles.

2. A sinagoga do Bonder, onde a cerimônia do bar mitzvah foi realizada está registrada em duas organizações liberais: o World Council of Synagogues que é uma "instituição" que "controla" (digamos assim) sinagogas do movimento Conservador e também está registrada no Jewish Renewal.

3. O movimento Conservador, oficialmente, não aceitaria a judaicidade de filhos de pai judeu...no ENTANTO, há uma enorme pressão de líderes deste movimento para que a aceitação da judaicidade de filhos de pai judeu seja plena, assim como no movimento Reformista. Desta maneira, fica a critério de cada sinagoga conservadora decidir o que fazer.

4. Jewish Renewal....vcs assistiram ao documentário One of Us, no Netflix? Eu fiz uma review super explicativa no meu blog a respeito. Pois bem, lembram que a líder do grupo de apoio que ajudava a ex-hassidica a levou a uma "sinagoga" bem diferente? Onde havia muita música... então...aquela sinagoga era do movimento Renewal (https://aleph.org/what-is-jewish-renewal)

Em resumo, o movimento Renewal foi criado entre os anos 60 e 70 e visava misturar a Reforma com Hassidismo....tipo.... são mega egalitarios, mas falam de kaballah, música e pensamentos hassidicos... Este movimento é considerado liberal e desta maneira, aceitaria sim fazer um bar mitzvah de um filho de pai judeu.

Entenderam? Então por gentileza, levem em consideração a que conforme as regras de uma grande parcela do movimento liberal, este evento foi super normal. O movimento Renewal, onde Bonder é filiado (vcs podem checar no site da Aleph.org) defende, nas palavra deles, o "deep ecumenism" (uma forma profunda de ecumenismo). Sendo assim, tanto o cristianismo da Angélica quanto as aparições em eventos afro de Luciano Huck são defendidas por este movimento.

Não desejarei Mazal Tov, mas desejo boa sorte a vida do jovem filho de Luciano Huck e que um dia este adolescente venha a conhecer a beleza da Torá e mitzvot, se converter dentro da halacha seguida pela ortodoxia e se tornar uma fonte de luz. Tudo é possível. 

 

 

Kol tov,

 

Esther

Please reload

Posts Destacados

A Review Completa de Nada Ortodoxa

May 22, 2020

1/10
Please reload

Procure por Tags
Please reload

© 2015 por Vida Pratica.