© 2015 por Vida Pratica.  

 

 

 

 

Meu nome eh Esther e este eh meu blog.

 

Casada, vegetariana, 41 anos, rata de biblioteca, impaciente, personalidade forte e amante de Historia, Geografia e Psicologia. Meu senso de humor, que era otimo em minha juventude, estah em processo de mutacao... mas ainda existe. 

Detalhe: eu amo pesquisar. Quem me conhece, sabe.

 

 

Moro em Montreal, onde trabalho com moda (fashion designer e styling)

e ajudo o marido na loja dele. 

 

 

Nas horas vagas escrevo este blog e me dedico a atividades ligadas a religiao judaica na minha comunidade, onde atuo como voluntaria da Jewish Marriage Education, assim como organizo eventos diversos e grupos de estudo para mulheres. 

 

 

Sou Judia por opcao ha mais de 10 anos.

Me converti ao Judaismo 2 vezes e por isso me tornei especialista neste assunto.

A primeira vez, numa sinagoga Conservadora em SP,

a segunda, em Jerusalem com a Rabanut. Nao fiz alyiah, fui por conta propria.

 

 Estudei por 1 ano no seminario She'arim College of Jewish Studies for Women em Jerusalem, Israel, de forma integral (das 8:30 as 17:30, 5 dias por semana). A base e os alicerces da vida judaica que vivo de maneira pessoal e em comunidade sao baseados na hashkafa que aprendi nesta midrashah.

 

Leio absolutamente TUDO referente a conversao na midia judaica internacional ha varios anos. Por causa de tanta leitura, sei mais sobre conversao do que

a maioria dos rabinos que vc conhece.

Chutzpah? Nao. Fato. Leio mais do que eles sobre este assunto, soh isso.

 

 

Que tipo de judia eu sou?

JPF, Just Plain Frum (simplesmente religiosa), ou seja, uma ortodoxa que cumpre mitzvot mas nao eh hassidica, nem yeshivish, nem modern orthodox e nem haredi.

Sigo a tradicao Ashkenazita, mas estudo muito a tradicao Sefaradita/Mizrahi.

 

 

Sou espiritual mas nao curto misticismo. Tenho um senso critico forte e por isso passo longe de segulot e 'kabalistas de plantao' (mekubalim). Pra mim, quem tem o 'dom' de ver o mundo espiritual jamais sairah vendendo 'milagres' por ai. 

 

 

Aprendi que eh melhor viver a vida de AGORA e fazer o seu melhor AGORA do que sonhar c/ o alem ou encarnacoes passadas.

 

 . . .

 

 

Ha 4 anos descobri que minha familia descende de Bnei Anussim e que mantinham varias tradicoes Judaicas ateh a geracao de meus pais.

Sonho em tracar minha genealogia um dia.

 

. . .

 

Nao sou rabina, rebbetzin, palestrante, etc. Mas estudo bastante.

Como dizem os americanos, eu faco meu dever de casa. 

 

 . . .

 

O que esperar do Vida Pratica Judaica? TUDO. 

De assuntos triviais aos mais polemicos.

Gosto de pensamento critico, lembra?

 

 

 .  .  .

 

Tenho um canal de Youtube e uma pagina de Facebook com o mesmo nome do blog:

Vida Pratica Judaica

 

 

 

Se voce nao conhece nada de Judaismo, seja bem vindo! Se voce jah eh da tribo, vambora!

 

 

 

Se voce deseja me contactar, meu e-mail eh vpjudaica@gmail.com

 

 

 

 

.  .  .

 

 

 

 

Entendendo um pouco de Judaismo.

 

O Judaismo, assim como outras religioes, possui varias vertentes (ou divisao, setor, denominacao, grupo... nao ha um nome exato) . Estuda-lo pela internet ou por livros, sem o acompanhamento de um judeu que estah familiarizado com tais vertentes, pode lhe trazer mais duvidas que respostas.

 

Uma descricao bem curta e super informal sobre os grupos judaicos mais populares:

 

Os movimentos Reconstrucionista e Reformista, grandes defensores do poder do individuo e justica social, sao conhecidos como representantes do Judaismo Liberal. Homens e mulheres dividem as mesmas responsabilidades em servicos religiosos.   

 

O movimento Conservador funciona mais ou menos como uma ponte entre a Ortodoxia e o movimento Reformista. Dao grande importancia as tradicoes Judaicas. Assim sendo, seus membros tem a liberdade de optar por uma linha de pensamento mais ligada ao Judaismo liberal ou partir pra "direita", onde sao conhecidos como Conservadox (nao eh um termo ofensivo, eh ateh divertido quando alguem se apresenta assim). Tambem sao conhecidos como Tradicionais ou Masorti.

 

A linha mais tradicional do Judaismo eh popularmente chamada de Ortodoxia e esta dividida em varios grupos, entre eles:

 

Ortodoxia Moderna: nao existe no Brasil ainda. Seus membros usufruem da "vida moderna" - internet, cinema, televisao, musica secular etc. - enquanto mantem preceitos da vida religiosa em seu dia a dia. Ha uma divisao informal dentro deste movimento, entre aqueles que sustentam uma linha de pensamento/comportamento mais liberal e os que sao mais tradicionais (machmir: estritos). Todos se respeitam, mesmo que sustentem pontos de vista diferentes. 

 

Hassidismo: antes do Holocausto havia mais de 100 grupos hassidicos. Hoje ha aproximadamente 50. Grupos podem ser identificados pela vestimenta distinta de cada um. Embora no geral, as leis de vestimenta sejam as mesmas - roupas discretas, cores neutras, saias longas para mulheres, etc. - pode-se encontrar diferencas no formato do chapeu usado pelos homens, etc. Cada grupo hassidico possui seu proprio Rebe, recebendo dele ensinamentos diversos que vao desde interpretacao de textos religiosos a normas de conduta. O nome de cada grupo eh proveniente da cidade onde ele nasceu, por exemplo, Vizhnitz (Vyzhnitsia), Lubavitch (Lyubavichi), Satmar (Satu Mare), Gerrer (Gora Kalwaria), Alexander ( Aleksandrow), Boston (sim, voce leu certo, esse grupo hassidico nasceu no inicio do seculo na cidade de Boston, Massachusetts) entre outros. Sua filosofia de vida estah conectada ao misticismo Judaico. 

 

Yeshivish: nao eh moderno e nem chassidico. Alguns possuem computador, nao possuem televisao, maioria tem smartphone... enfim... homens usam preto e branco, mulheres usam roupas com cores discretas e longas.  Sao ligados a "cultura da Yeshiva" + Yidish, criando um modo de falar bem original, onde misturam palavras em Yidish a sua lingua materna. Alguns veem esse movimento como uma cultura informal Americana dentro do Judaismo. Muito se tem escrito sobre o que eh ser yeshivish, mas ateh agora ninguem entrou em consenso. Para iniciantes, leva um tempo para entender o que eles estao falando, devido ao enorme numero de palavras em Yidish e Hebraico misturadas com Ingles adotadas em seu vocabulario, mas depois a gente se acostuma. 
 

Haredi: seria o que a midia chama de Ultra-Ortodoxo (muitos deles consideram este termo ofensivo). Seu comportamento eh estrito, sua vestimenta segue a risca as normas estipuladas por suas liderancas religiosas. Como um grupo, rejeitam a cultura moderna e se separam dela... como individuos, ha os que discordam desta rigidez.

 

Dati Leumi: sao religiosos sionistas. Sua maneira de vestir eh mais moderna. Homens geralmente usam uma kippah feita de trico e as mulheres casadas cobrem suas cabecas com lencos e chapeus.

 

Sem etiquetas: sao os religiosos que nao se enquadram em nenhum grupo.  Cumprem Torah e mitzvot, mas nao sao hassidicos, yeshivish, haredis, dati, ort. modernos etc... Sao raros, mas existem.

 

Sefaraditas:  como um grupo, 100% das sinagogas e rabinos sefaraditas sao ortodoxos. Todos os grupos citados acima sao Ashkenazitas. Nao ha uma sinagoga sefaradita Reformista, ou uma sefaradita Yeshivish etc. Como individuos, sefaraditas se espalham em um grande leque, que vai do secularismo a observancia estrita de preceitos religiosos. Eh possivel encontrar familias Sefaraditas em sinagogas Ashkenazitas e vice-versa. 

 

Nao afiliados ou seculares: sao judeus que nao seguem preceitos religiosos, mas mantem sua identidade judaica. 

 

 

UMA ESCOLHA PESSOAL 

Tudo o que mencionei acima condiz ao grupo, nao ao individuo. Por exemplo, um individuo Ortodoxo Moderno pode se interessar por Chassidismo e adotar algumas praticas deste modo de vida em sua rotina. Um individuo que pertence ao grupo Chassidico Belz pode ler um livro que contem a filosofia de outro grupo Chassidico, soh por curiosidade, e acabar gostando. Um individuo que se auto-denomina Haredi pode se sentir atraido por valores sionistas e elementos da vida moderna...  quando falamos de individuos, TUDO eh possivel.  

 

 

vpjudaica@gmail.com